CUC – Contemporary Urban Culture

Interdisciplinary Platform for Urban Culture

Terra desolada

A península de Kola, no extremo noroeste da Rússia, na fronteira com a Noruega e a Finlândia, teve enorme importância estratégica para o exército soviético. Centenas de bases militares foram sendo implantadas em Kola durante o período da Guerra fria, aproveitando o acesso directo desta região ao Atlântico norte. Pequenas cidades cresceram em torno dessas bases, apesar da exiguidade de recursos naturais, a agressividade do clima e a inexistência de serviços nesta área.

Nesta terra de tundra e renas, montanhas áridas e minérios, tribos Sami e Pomor, jazem mais de 250 reactores nucleares navais desactivados, produzidos e abandonados pelo exército soviético.

A partir da década de 1990, o desmantelamento deste poderio militar forçou o abandono de muitas destas bases – os militares desertaram e as suas famílias foram aos poucos esvaziando as cidades, agora desoladas ruínas urbanas, sem habitantes, sem visitantes.

No comments yet»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: